Qual a diferença entre a Empatia, Simpatia e Psicopatia? – Por Katia Di Giaimo

Atualizado: Out 13

A meu ver, simpatia é aquela pessoa que cumpre o social, é rasa em seus sentimentos…


O empata se aprofunda e abraça a causa como se fosse sua, há uma enorme diferença entre o ser Empático, o ser Simpático, e o ser Psicopático não acham?


O Empata, busca no outro sensações semelhantes de sentimentos e acessa energias iguais, sofre e vivencia junto, muitas vezes trazendo a causa para ele.


Eis então a diferença, o Simpático quer distância do “problema”, ele cumpre apenas sua condição simpática e social com o coletivo, jamais se aprofundando ou querendo algum laço que o prenda à situação que se desvencilha para ele, afinal, dá muito trabalho cuidar do problema do outro, aliás, o problema é do outro, ele criou então “ele” que resolva (este é o pensamento do simpático…rs)


O Sociopata ou Psicopata então, esse mata, fere, destrói, anula, usurpa, cavalga nas costas do outro, sem sentir absolutamente nada, aliás, este último não tem sentimentos, ele é desprovido de sentimentalismos.  Visa o poder, a ganância, a destruição do outro para galgar e almejar locais de alto poder, achando que lá encontrará o que precisa para ser Feliz, coisa que ele também não sente.


Continuo dizendo, que o mundo precisa de seres empáticos como nós, porque precisamos drenar esta energia tão visceral e egoísta que acomete o mundo, transmutando o ruim, o negativo para positivo. Sabendo que a única forma de alterar estas mentes egoísticas para melhor é através do auxilio ao outro, se a energia do outro me afeta, então melhorar quem eu sou e não onerar o mundo com maus pensamentos, ou atitudes que possam piorar a condição das pessoas já será um belo trabalho.

Melhorando a condição das pessoas que estão a minha volta, melhoro a minha própria condição, assim, todos evoluem em coletivo.


Eu não consigo ser feliz, se ao meu lado estiver uma única pessoa em sofrimento, aquilo aniquila minha felicidade.


Quando será que teremos este mundo mais EMPÁTICO?


Vamos fazendo a nossa parte, como pequenas formiguinhas em trabalho pelo coletivo.


No texto abaixo de O Segredo, fala sobre a diferença entre a Empatia e a Simpatia….

Boa leitura!


QUAL É A DIFERENÇA ENTRE EMPATIA E SIMPATIA?



“Sentimentos de piedade e tristeza pelo infortúnio de outra pessoa.”


A definição de empatia:


“A capacidade de compreender e compartilhar os sentimentos do outro.”


Nós somos empatas, não simpatas. Empatia é ter uma consciência alta o suficiente para explorar os sentimentos dos outros. Ao ouvir uma história, você a experimenta totalmente ao lado do contador de histórias.


É a criação de um espaço de conforto para alguém, porque eles sabem que você tem uma compreensão de suas emoções. Todos nós experimentamos nossas próprias versões de emoções compartilhadas como tristeza, emoção, nada.


Nossa experiência de felicidade é única e parece fazer diferentes coisas que nos fazem felizes. Quando alguém simpatiza com você, está estão baseando a sua compaixão do infortúnio de seu cenário. É como olhar para ele a partir de uma perspectiva exterior, para que você não experimente a dor compartilhada.


Ser empático é doloroso, você sente as dores dos outros e, por vezes não tem ideia do porquê. Às vezes, as emoções rastejam acima de você do nada, e você precisa distinguir se elas são provenientes de seu núcleo, ou de outra pessoa.


Ser empático requer uma quantidade enorme de energia, especialmente se você está procurando ajudar o outro e compartilhar sua dor, resultando em algum nível de cura. Ser simpático é ouvir um problema e dizer: “Eu me sinto mal por você”. Afinal, qual é o resultado?


Há muitas informações sobre o que é ser um empata é e como saber se você é um; e parece

óbvio que todos são.


Depende de quão aberto somos à nossas emoções, como podemos ser transparentes aqueles àqueles ao nosso redor. Todo mundo tem a capacidade de empatizar com outro ser humano; é uma função natural dentro de todos nós.


Podemos optar por não sentirmos empatia, por nos concentrarmos em indiferença e bloquearmos o que nos torna desconfortáveis. Novamente, qual é o resultado final?

Segurar sentimentos não ditos em nosso interior, parece nunca acabar bem. Eles saem de alguma forma. Ser empático é ser capaz de se comunicar no momento; é compreender que seus pares são um reflexo de você, assim sabe que não há razão para ter medo de comunicar-se honestamente.


Seja empático, não tenha empatia com os outros, SEJA empatia. Seja a personificação da compreensão, seja um canal para a verdade e consciência.

___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Spirit Science


3 visualizações
FALE COM A KATIA!

contato@empatas.com.br 

© 2020 por Katia Di Giaimo. Empaticos, Mediunidade, Empata, Empatas, Medium Esponja - Agência Uru